Desejos de uma mãe aos seus filhos

Falar de desejo de mãe é falar de sonhos, de fantasias, de realizações pessoais…

Desejamos para os nossos filhos sempre o melhor e com a melhor das nossas intenções. Queremos que sejam felizes principalmente; que encontrem a profissão que os satisfaça; que tenham família, Que cresçam e sejam lutadores e vencedores!

Posso guiar seus passos por um tempo

Desde muito cedo são nossos desejos de mãe que alimentam nossos filhos. Em nosso ventre eles são literalmente nutridos do que nós nos alimentamos. E podemos pensar não só no alimento como aquilo que comemos, mas também o que sentimos, o que sonhamos, o que vivemos, nosso dia a dia e o que fazemos com todas nossas experiências, boas e não tão boas.

Sim, nossos bebês sentem lá dentro e em estudos recentes vemos que esse período intra-utero já conta no desenvolvimento desse ser!

Antes do nosso bebê nascer, já sonhamos muito com ele; imaginamos seu rostinho e criamos expectativas de nossas vidas juntos.

Já ouvi de futuras mães : “meu filho vai ter aquilo que não tive !” ” Quero poder dar ao meu filho aquilo que não tive ou aquilo que não fiz”…

E esses são pensamentos carregados de significados e muito pessoais. Podem conter mágoas, ressentimentos, desejos próprios não vividos, decepções com a própria vida, mesmo com todo o amor do mundo.

Será médica?

É fato que nossas vivências deixam em nós marcas e com elas vamos para a maternidade e com elas criamos nossas expectativas em relação a nossos filhos.

Não é culpa de ninguém, é a vida sendo vivida!

Cada um tem suas marcas, como a digital. Filhos dos mesmos pais, mesmo gêmeos, terão cada um seu registro de suas vivências e suas formas de sonhar e lutar e agir e re-agir na vida.

Não conheço uma mãe que deseje que o filho seja dependente dela a vida toda;

Não conheço uma mãe que deseje que o filho seja infeliz;

Claro que desejamos o melhor dos mundos para nossos filhos!

E cada mãe e pai faz seu melhor, do seu jeito!

dentro de uma bolha?

É importante e um grande passo conhecermos nossos desejos! Cuidarmos para termos condições de continuar desejando, mas também funtamental é permitir que os outros (nossos filhos, companheiros) encontrem motivos e formas de desenvolver seus próprios desejos.

E como gosto de provocar…

Então nós, mães desejamos filhos conscientes de suas responsabilidades, respeitosos, capazes de lutarem por seus objetivos, mas como o ensinamos tudo isso se muitas vezes queremos que eles nos obedeçam sem muito questionar ?

Como ajudamos a exercitar essas habilidades para serem adultos desejosos?

Queremos filhos que realizem nossos desejos ou que encontrem os seus?

E quando já adultos o que podemos fazer quando fazem escolhas diferentes ou contrários aos nossos desejos ?

Esse texto é parte de uma iniciativa muito legal,  uma Blogagem Coletiva que as amigas Cris e Te criaram e uma forma de interação muito bacana, então temos muitas perguntas para pensar…

Visite os Blogs participantes, veja no http://bolhinhasdesabaoparamaria.com.br/desejos-de-uma-mae-aos-seus-filhos/ outros blogs participantes e comente !

12 thoughts on “Desejos de uma mãe aos seus filhos”

  1. Oi Silvia!
    Vi tua postagem lá no Instagram e já corri para cá para ler tua participação.
    Desejamos sempre o melhor par nossos filhos, para cada fase um cuidado, um olhar.
    Muito agradável te ler. O sorriso da tua pequena já traduz uma vida feliz!
    beijo

  2. Amigaaaaaaaaaa esses seus questionamentos pegou assim de jeito kkk…
    Quanta verdade em cada pergunta!! Como queremos nos realizar neles… E esquecemos que eles tem seus próprios sonhos e desejos…
    Mas, fato é… Só queremos o melhor!!
    Independente das escolhas e que Deus nos dê sabedoria para criá-los sendo bons cidadãos.
    Amei sua participação.
    Bjs, Cris

    1. Cris, pois é a cada dia pedimos a Deus sabedoria para cuidar dos nossos desejos, por que não podemos parar de desejar e ao mesmo tempo cuidar para que os nossos tenham desejos saudáveis e retos.
      Beijos, fico muito feliz em participar desse projeto.

  3. Silvia, adorei ver como interpretaste bem o tema. Lindo e verdadeiro. Precisamos saber dos nossos desejos, mas pensar se esses serão os deles>.. Lindo apanhado fizeste! Bela participação! beijos, chica

  4. Minha querida Sil, você realmente nos deixou a pensar… Passamos uma vida desejando isso e aquilo aos nossos filhos, além da felicidade, claro, desejamos que ele faça isso, que ele seja aquilo e como você bem disse, queremos que eles realizem nossos desejos ou encontrem os seus…
    Nós encontramos os nossos então é certo que eles precisam também encontrar os deles, mesmo que isso sofra um afastamento necessário quando crescem…
    De qualquer forma, queremos que sejam felizes, pessoas do bem e firmes em suas escolhas vida afora!

    Muito obrigada Sil pela participação! Te apertei né querida? rs
    Mês que vem então dia 19 temos a outra BC, inspirada em seu post!

    Um beijo grande,

    Tê e Maria ♥

    1. Ah Te, sempre bom te ver por aqui! Tão bom quando consigo participar com vocês e trocar ideias boas sobre nossas vivências!
      Gosto de provocar questionamentos mesmo rsrs deve ser coisa de psicóloga rsrs
      Beijos querida!

  5. Oi Silvia!

    Participar desta blogagem tem sido muito agradável. Nos permite compartilhar o que outros não têm, pois somos diferentes.

    Ao mesmo tempo, desde que seguramos no colo um bebezinho, experimentamos todas as mesmas sensações de alegria, medo e o privilégio de sermos mães!

    Um prazer conhecer vir aqui… acho que pela primeira vez.

    Beijo!

    Renata e Laura

    1. Oi Renata, que bom que vc veio!
      Pois é a maternidade nos da tantas emoções e sentimentos, como você disse as vezes comuns em outras não tanto por que cada uma responde e sente de uma forma. Sempre descobertas boas !
      Bem vinda ao enfimnos !

  6. Um belo depoimento Silvia nesta edição deste belo projeto da Tê e Cris, que venho acompanhando e vendo o quão dedicadas sãos as mães participantes.
    O desejo maior é o de que sejam felizes cada um na sua maneira de ver a felicidade. Desde o ventre os desejos estão em ebulição e que assim sejam efetivados no bem.
    Parabéns pela participação.
    Abraços e boa semana.

    1. Obrigado pela visita Toninho. Seguimos na jornada de aprendizado diário de ser mae, se descobrir mãe, querer ser sempre boa para nossos filhos e proporcionar lhes um crescimento saudável e feliz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *